ARTE DAS LETRAS

segunda-feira, 27 de julho de 2015

PÁGINAS SOLTAS - CONSIDERAÇÕES DE FIM DE TARDE - O RELÓGIO DA VIDA


CONSIDERAÇÕES DE FIM DE TARDE
            O RELÓGIO DO TEMPO

Olhar o tempo através do espelho é muito mais real do que através dos relógios e calendários
A gente se olha no espelho numa manhã e vê que nasceu uma ruga, um pequeno sulco na testa, uma pele mais flácida abaixo do queixo. Mais outro dia,  e descobre aquelas pintinhas na pele. Os cabelos brancos são os primeiros a dar as horas do declínio. São fios brancos esparsos  que começam a surgir. Assumir ou pintá-los é opção pessoal indiscutível.
Também nas sobrancelhas o tempo vai deixando sua marca, a primeira vista parece que estão falhadas, mas logo vemos que são os fios embranquecidos que as fazem parecer descontínuas. Depois são os cílios que assumem aos poucos o branco.
Mas a meu ver, o que mais marca a passagem do tempo para uma pessoa é o brilho do olhar. Este se perde bem antes de tudo até aqui descrito. Uma pessoa já adulta começa a perder esse brilho, o viço que só as crianças e os jovens têm. Para isso não há maquiagem. plástica ou ginástica que atenue ou refaça.
Tudo é assimilável e aceitável sem dramas ou crises de depressão, se a pessoa entende o que é viver e o que é a vida. Quem viveu tudo o que quis, fez de todos os momentos um intenso viver, não se negou à vida e tirou dela o melhor, mesmo nos momentos adversos, certamente se enriqueceu. Pessoas assim não se sentem mal diante de um espelho e compreendem o seu tempo. Elas não acham que a vida lhes deve alguma coisa.
A aparência mostra  detalhes reais do tempo passando, tempo que é democrático e passa igual para todos em qualquer lugar do mundo. 
Não há saudades, há sim o orgulho de ter vivido todas as fases desde a infância e ainda estar vivo transitando no atual.
Como esse relógio não adianta e nem atrasa sempre sabemos da nossa hora de cada dia.

Penso ser uma glória ter chegado onde estamos, porque quantos que conhecemos,  novos ainda, ficaram pelo meio do caminho.  
by Didi Leite

Ilustração Imagem Google

Nenhum comentário:

Postar um comentário